Fechar

Clarissa Macedo

BLOG: www.clarissammacedo.blogspot.com.br/ LIVROS PUBLICADOS: O trem vermelho que partiu das cinzas (2014), Na pata do cavalo há sete abismos (2014), Antologia Godofredo Filho (participação), Sangue Novo – 21 poetas baianos do século XXI (participação), Verso e prosa – Oficina de Criação Literária III Feira do Livro 2011 (participação), Verso e prosa – Oficina de Criação Literária IV Feira do Livro 2012 (participação), Sem comparação: Torga, Rosa e Cia. Limitada (participação), Todas as mãos – 10 anos do Caruru dos Sete Poetas: recital com gostinho de dendê 2004-2014 (participação), Verseja Brasil (participação), Lo que mora cerca del origen – Antologia del Encuentro Internacional de Mujeres Poetas Cereté 2013 (participação), Dicionário de Escritores Contemporâneos da Bahia (participação) e Luz y Sombra – Antologia del Encuentro Internacional de Mujeres Poetas Cereté 2014 (participação)

Perfil

Clarissa Macedo é natural de Salvador (BA) e reside em Feira de Santana/BA. Licenciada em Letras Vernáculas, mestre em Literatura e Diversidade Cultural e doutoranda em Literatura e Cultura, além de escritora, atua como revisora, professora, pesquisadora e produtora cultural. É autora de O trem vermelho que partiu das cinzas (2014) e de Na pata do cavalo há sete abismos, vencedor do Prêmio Nacional da Academia de Letras da Bahia/2014, já traduzido para o espanhol (Peru e Espanha) e com edição em processo também para a língua inglesa.

No trabalho de difusão de sua obra, já participou de eventos pelo Brasil e em outros países, como Colômbia, Peru, Cuba e Equador. Está presente em coletâneas como a Antologia Godofredo Filho (poesia/2010), Sangue Novo – 21 poetas baianos do século XXI (poesia/2011), Verso e prosa – Oficina de Criação Literária III Feira do Livro (conto e poesia/2011), Verso e prosa – Oficina de Criação Literária IV Feira do Livro (conto e poesia/2012), Sem comparação: Torga, Rosa e Cia. Limitada (crítica/2013), Todas as mãos – 10 anos do Caruru dos Sete Poetas: recital com gostinho de dendê 2004-2014 (2014), Verseja Brasil (poesia/2014), Lo que mora cerca del origen – Antologia del Encuentro Internacional de Mujeres Poetas Cereté 2013 (2014), Dicionário de Escritores Contemporâneos da Bahia (2015), Luz y Sombra – Antologia del Encuentro Internacional de Mujeres Poetas Cereté 2014 (2015).

Publica regularmente, tanto em meios eletrônicos como impressos (já publicou nos blogs Cinzas e Diamantes, Programa Nordeste, Barcaças, A poesia do Brasil, Consideração do poema; nos sites Musa Rara, Mallarmargens, Coletivo Marianas; nas revistas Verbo21, Diversos afins, 7 Faces, Blecaute, Revestrés, Acrobata, La Raíz Invertida, entre outras). As poesias da escritora tratam com frequência de assuntos que perpassam a infância, a desarmonia existencial e o ofício da escrita. E os contos retratam, de modo fantástico, um mundo em declínio.

Entre os eventos que Clarissa Macedo participou nos últimos anos estão: Praça de Cordel e Poesia – Bienal do Livro da Bahia (2011); Fala escritor (2011); Aberto do CUCA (2013); Feira do livro de Feira de Santana (2013); Leituras Públicas (2013); Caruru dos Sete Poetas (2013); LEMEL (2014); Colóquio de Literatura Contemporânea da UEFS (2014); FLIEC – Festa Literária de Euclides da Cunha (2014); Apresentações Literárias em Bogotá (Colômbia/2013); Encuentro intenacional de mujeres poetas (Cereté/Colômbia, 2013 e em 2014); Festival internacional de poesia de Cartagena de Índias (Colômbia/2013); Festival Mundial da Palavra (Peru/2014); Semana de Letras da UCSAL (2014); Festival Internacional de Poesia de Havana (Cuba/2015).

Clarissa participa de alguns projetos culturais, dentre eles o Melancolia: piano e poesia e ministra oficinas de escrita criativa. No momento, prepara um livro de crônicas e outro de poesias.